Dicas para embalagens de presentes que não geram resíduos

374 views

O Natal é uma época de celebração e a troca de presentes é algo que acaba sendo inevitável pois, nesta data, as pessoas desejam expressar o seu afeto através de uma lembrancinha para os entes queridos.

E é comum que estes presentes sejam embrulhados em embalagens de plástico ou de papel, que serão rasgados em segundos, gerando resíduos no planeta.

Se você deseja presentear e comemorar o Natal de forma sustentável, acompanhe as nossas dicas de embalagens que não causam impactos negativos ao meio ambiente.

Papel de presente

O papel de presente pode ser reciclado, desde que não tenha glitter ou enfeites de plástico. No entanto, é possível optar por embrulhos mais simples como jornais, sacolas de papel, revistas, mapas ou qualquer outro papel que você tenha em casa que poderá ser reciclado após ser rasgado (como folha de sulfite, papelão, cadernos, agendas antigas etc).

Use tecido

Um pedaço de tecido pode ser um ótimo substituto para o papel de presente. O tecido é muito mais durável e reutilizável do que o papel. Dobre o tecido ao redor do seu presente e prenda-o com alfinetes, broches coloridos ou fitas.

Você pode optar pelo embrulho de “bombom” amarrando barbante em ambos os lados do presente para que se pareça com o doce. Lembre-se de reutilizar o tecido ano após ano. É ótimo se você e seu presenteado concordarem em reutilizar e trocar a embalagem de tecido anualmente!

Use folhas

Já pensou em embrulhar os seus presentes com algo vivo? Que tal aproveitar uma folha de bananeira para isso? No Vietnã é muito comum utilizar a folha de bananeira como embalagem para presente e, além de ser uma opção gratuita, ela pode ser descartada na natureza sem nenhum problema!

Para isso, basta pegar uma folha da bananeira e aquecer um pouco, uniformemente, até que ela fique macia e flexível, parecendo um pedaço de couro. Não se preocupe, porque esta folha não queima com muita facilidade. Depois embale o seu presente e use fatias do caule da folha para amarrar.

E você, já usou algumas destas alternativas sustentáveis para presentear alguém? Compartilhe conosco como foi esta experiência! 😉