A importância da Estação Ecológica Terra do Meio para a Amazônia

1.026 Visualizações
Onça
Onça-pintada, animal ameaçado de extinção. Foto: clicrbs

Criada em 2005, a Estação Ecológica Terra do Meio tem como missão preservar a natureza, permitindo apenas o uso indireto dos recursos naturais dos cerca de 3.373.110 de hectares. Gerida pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, está localizada na Amazônia oriental e abriga diversas espécies ameaçadas de extinção: são aves, anfíbios, peixes, mamíferos, répteis e tantos outros que correm o risco de desaparecerem do bioma amazônico.

A Estação Ecológica serve para garantir a diversidade ecológica e o ciclo da natureza e permite a realização de pesquisas científicas. A Amazônia abriga mais da metade da biodiversidade mundial, representa um terço das florestas tropicais do planeta e é considerada um bem inestimável ao planeta. Mas o fato é que o desmatamento continua sendo a grande ameaça dessa riqueza natural.

Para se ter uma ideia dessa perda, o Instituto Imazon publica mensalmente o boletim do desmatamento (SAD), cujo monitoramento é feito via satélite. No mês de junho foram detectados 184 km² de desmatamento na Amazônia Legal. O número representa um aumento de 437% em relação a junho de 2012, quando o boletim registrou 34 km². É um dado bastante assustador em tempos de Unidades de Conservação (UC).

Como funcionam as UCs?

O Sistema Nacional de Unidades de Conservação (Lei do SNUC) instituiu a criação de Unidades de Conservação para proteger a biodiversidade, o ecossistema e os biomas. As UCs são divididas em dois grupos: de Proteção Integral e de Uso Sustentável. A primeira visa à preservação da natureza em áreas que há pouca ou nenhuma atividade humana e permite apenas o uso indireto dos recursos naturais. A segunda propõe a conservação e a utilização dos recursos de maneira sustentável, em prol apenas da comunidade local.

Grupo de proteção integral

• Estação Ecológica (ESEC)

• Reserva Biológica (REBIO)

• Parque Nacional (PARNA)

• Monumento Natural (MN)

• Refúgio de Vida Silvestre (REVIS)

Ilhote Pequeno
Ilhote Pequeno, local protegido pela Estação Ecológica (ESEC) Foto: icmbio

Grupo de uso sustentável

• Área de Proteção Ambiental (APA)

• Área de Relevante Interesse Ecológico (ARIE)

• Floresta Nacional (FLONA)

• Reserva Extrativista (RESEX)

• Reserva de Fauna (REFAU)

• Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS)

• Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN)

Itupararanga
Área de Proteção Ambiental (APA) Itupararanga. Foto: fflorestal