China possui creche para garantir sobrevivência de pandas gigantes

446 Visualizações
Divulgação – http://www.panda.org.cn| Espaço criado em Chengdu ajuda a preservar a espécie.

Se você se diz apaixonado pelos ursos pandas, esta noticia vai lhe deixar mais feliz. Preocupados com a possível extinção desses peludos gigantes e comedores de bambu, a China criou uma espécie de creche para abrigar estes fofos animais e, assim, perpetuar a espécie.

Por milhares de anos, este animais viveram em florestas de Chengdu, mas o medo de vê-los extintos deu origem ao Chengdu Research Base of Giant Panda Breeding, um espaço que, desde metade do século XX, vem oferendo cuidados especiais a estes ursos. Atualmente a espécie conta com 1.800 animais.

A fêmea fica fértil por apenas dois ou três dias no ano e consegue dar à luz a apenas um filhote a cada dois anos. E é justamente esse processo se perpetuação da espécie que dificulta a devida recuperação dos pandas gigantes.

Felizmente, por meio de muita pesquisa, especialistas e veterinários estão conseguindo aumentar as chances de procriação da fêmea panda e dando todo o suporte para os filhotes que chegam ao mundo. Estes ficam numa espécie de creche, onde são alimentados e brincam sem parar.

Confira algumas fotos da rotina dos pandas gigantes na base de Chengdu e perceba o quão importante preservar esta especie tão encantadora:

Divulgação – http://www.panda.org.cn Refúgio de pandas gigantes em Chengdu
Divulgação – http://www.panda.org.cn| Atualmente existem cerca de 1800 representantes dessa espécie.
Divulgação – http://www.panda.org.cn| Refúgio cuida dos pandas desde a metade do século XX.
Divulgação – http://www.panda.org.cn Fêmea fica fértil por apenas dois ou três dias no ano.
Divulgação – http://www.panda.org.cn Fêmeas dão à luz apenas um filhote a cada dois anos.
Divulgação – http://www.panda.org.cn Especialistas lutam para aumentar as chances de a fêmea procriar.