Governo Federal projeta o desenvolvimento de 10 mil escolas sustentáveis em 2014

332 Visualizações
Dilma
Foto: Roberto Stuckert Filho

“O Ministério da Educação está empenhado em assegurar apoio crescente às escolas ecológicas e sustentáveis, e isso vai se refletir no fato de que nós temos uma meta de chegar até dez mil instituições de ensino ainda em 2014”, prometeu Dilma Rousseff. Este anúncio foi feito pela presidente na última terça-feira, dia 26 de novembro, durante a 4ª Conferência Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente, realizada em Brasília.

Durante a cerimônia realizada no Salão Nobre do Palácio do Planalto, os cerca de mil jovens presentes no evento aplaudiram o projeto apresentado por Dilma. Além do desenvolvimento de escolas ecologicamente corretas, a presidente recebeu outros 108 projetos de colégios de baixo impacto ambiental que os próprios participantes da Conferência elaboraram.

Afirmando que o Brasil tem se comprometido cada vez mais com a preservação da natureza e o combate ao desmatamento, Dilma prometeu batalhar pelo emprego de práticas ecológicas nas atividades da produção agrícola e investir no fornecimento de energia renovável. Para a presidente, a conservação dos biomas e biodiversidade irá assegurar ao Brasil a condição de país desenvolvido.

“Apesar de ter perdido muito da Mata Atlântica, a floresta amazônica ainda existe e o Brasil precisa garantir que seja preservada”, falou Dilma. Seguindo com o clima ambientalista proporcionado pelo encontro, a presidenta recebeu uma “barretina” (espécie de chapéu de folha de coqueiro), feita pela comunidade indígena Xukuru, de Pernambuco, e logo a colocou na cabeça.