Alimentos x contaminação por agrotóxico

599 Visualizações

Lista da Anvisa mostra os níveis de agrotóxico em cada alimento, como morango, pepino e arroz. Confira

Fugir do agrotóxico pode ser uma batalha bem complicada. Uma alternativa são os produtos 100% orgânicos, que também são mais caros e, dependendo da região onde vive, mais difíceis de encontrar.

De acordo com o Programa de Análise de Resíduos Agrotóxicos de Alimentos, realizado pela Anvisa em 25 estados e DF, com análise de 2.488 amostras de 18 tipos de alimentos, alguns possuem um nível de contaminação maior que o esperado. Portanto, na hora de comprar estes alimentos, dê preferência aos orgânicos, se possível.

Agrotóxico + comida = uma relação não muito saudável…

alimento e agrotóxico
@Anvisa

 

 

Agrotóxico proibido

O agrotóxico carbofurano está proibido pela Anvisa desde ano passado. Atua como inseticida, cupinicida, acaricida e nematicida, voltado para hortaliças, frutas e grãos. A laranja, em 2016, foi a fruta com mais vestígios de carbofurano remanescentes, o que traz malefícios à saúde. A Anvisa concluiu que o uso regular desta substância pode contaminar os alimentos e a água, o que origina o risco dietético agudo, efeitos neurotóxicos e potencial de causar toxicidade para o desenvolvimento de seres humanos, conclui.

PARA – Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos

O programa foi inaugurado em 2001, com o objetivo de “avaliar continuamente os níveis de resíduos de agrotóxicos nos alimentos de origem vegetal que chegam à mesa do consumidor, sendo um indicador da ocorrência de resíduos de agrotóxicos em alimentos”, segundo material oficial. Já foram analisadas mais de 30 mil amostras de 25 tipos de alimentos de origem vegetal desde o começo do programa.

Matérias relacionadas:

Arroz possui arsênio? Veja como reduzir a presença deste metal na sua alimentação

Conheça a primeira escola do mundo a oferecer alimentação 100% vegana

7 hábitos de alimentação que fazem você viver mais