Israel testa estrada que recarrega veículos elétricos por wi-fi

456 Visualizações
Electroad.me Medida pode fomentar a compra de carros elétricos e reduzir a poluição.

Visando diminuir os gases poluentes emitidos pelos veículos convencionais, a startup israelense Electroad está desenvolvendo uma nova tecnologia. O projeto tem o objetivo de eletrificar as estradas existentes com bobinas enterradas embaixo do asfalto, tornando possível o carregamento dos veículos elétricos através de indução. O primeiro teste já foi realizado e foi muito bem-sucedido, agora a empresa pretende eletrificar uma estrada em Tel Aviv para alimentar e carregar os ônibus elétricos de transporte público.

Para a criação da estrada os pesquisadores utilizaram uma tecnologia baseada na indução eletromagnética, um dos princípios básico dos carregadores sem fio que alimentam os celulares. Oren Ezer, CEO da empresa, explicou que a implementação pode ser feita em apenas metade de um dia e que eles utilizaram apenas cobre e borracha para o processo. A instalação é feita com um rapador de asfalto, que escava apenas 8 cm de profundidade da trincheira, enquanto um segundo veículo instala as tiras para o carregamento de energia sem fio e preenche a trincheira de volta com asfalto.

Os veículos elétricos vão receber unidades de bobina anexadas sob eles para receberem a energia transferida pelos inversores inteligentes que estarão instalados na estrada ao longo de um pequeno espaço de 24 cm. Para evitar que os passageiros e motorista fiquem expostos à radiação, os riscos serão minimizados através de uma blindagem. Os ônibus também vão possuir uma pequena bateria que irá possibilitar que ele rode por até 5 Km sem a utilização de uma corrente elétrica.

Essa nova tecnologia vai ajudar a aumentar as vendas dos carros elétricos e, assim, diminuir ou até mesmo acabar com a poluição liberada pelos combustíveis fósseis. Inicialmente a Electroad pretende focar apenas nos transportes públicos antes de abrir a plataforma para o trânsito privado. A tecnologia será fundamental no desenvolvimento de novas soluções sustentáveis e ainda na redução dos custos do transporte público.

A empresa deixa claro que a energia usada nas ruas é totalmente provida de fontes renováveis, contribuindo significativamente com a redução dos impactos ambientais.