Home > Ecoideias > Design cria poste solar que ajuda a purificar o ar

Design cria poste solar que ajuda a purificar o ar

Inovação promete melhorar a qualidade de vida das pessoas e reduzir as mortes

12 de fevereiro de 2016
publicado por
Dinâmica Ambiental

 

Reprodução Invenção suga o ar poluído e o devolve limpo.

A poluição do ar é uma das principais responsáveis pelos problemas no sistema respiratório enfrentados por grande parte da população. Do nariz aos pulmões, as partículas podem chegar, ainda, à corrente sanguínea e provocar inflamações dentro das veias e artérias, dificultando a passagem do sangue.

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 8 milhões de pessoas morrem anualmente por causa da poluição atmosférica. Desse total, cerca de 3,7 milhões de mortes são atribuídas à contaminação lançada ao ar livre, enquanto 4,3 milhões de mortes são resultantes de contaminação de ambientes mal ventilados.

Só no Brasil, a poluição deve ser a causa de 250.000 mortes nos próximos 15 anos, 25% delas somente na cidade de São Paulo. Aqui, no entanto, 90% desse total aconteceria devido aos veículos motorizados.

Agora imagine que saudável e maravilhoso seria filtrar continuamente o ar poluído de uma cidade? Assustado com os dados da OMS, o designer Tony Thomas Narikulam idealizou o Eco Mushroom, ou, em português, cogumelo ecológico, um dispositivo para purificar o ar.

Invenção suga o ar e o devolve limpo

Com um design que lembra um poste de luz moderno e inovador, o sistema compacto promete, além de iluminar a via com seus 4 LEDs, absorver o dióxido de carbono presente no ar.

Segundo Narikulam, o ar poluído fica preso em uma camada um pouco mais alta, acima da altura das pessoas, se espalhando mais facilmente e criando uma faixa tóxica sobre nossas cabeças.

Para garantir que o ar fique mais limpo, a inovação conta com quatro entradas que sugam o ar poluído. Depois de passar pelo purificador, ele é devolvido, agora limpo, numa altura mais baixa, a fim de atingir diretamente as pessoas.

A sucção e circulação do ar acontecem graças ao motor DC (motor de corrente contínua sem escovas), que é movido a energia solar – há placas no topo do Eco Mushroom que captam os raios solares.

Mas, afinal, e a sujeira obtida no processo? Os poluentes são conduzidos por um cano central até um coletor na base do poste, que é removido para limpeza na manutenção periódica.