Aldeia indiana comemora cada nascimento de meninas com plantio de 111 árvores

353 views

No Brasil, e em outros países ocidentais, o nascimento de uma criança do sexo feminino é normalmente comemorado com a entrega de presentes como bonecas, vestidos cor-de-rosa… Já em outros lugares do mundo, o costume pode ser bem diferente. Em uma aldeia na Índia chamada de Piplantri, na região de Rajasthan, por exemplo, são plantadas 111 árvores cada vez que uma menina chega ao mundo.

Fonte: Piplantri.com A tradição une objetivos nobres: a valorização da mulher e do meio ambiente.

Esta tradição teve início com um ex-líder da aldeia Piplantri, Shyam Sundar Paliwal, em homenagem a memória da filha que havia falecido ainda jovem. A ideia conquistou os outros membros da aldeia e acabou se tornando uma tradição para aquele povo.

A inciativa sustentável vai em direção oposta à própria história Índia, isso porque, antigamente, ter uma filha era considerado um fardo para a família, pois a mesma teria que arcar com os altos custos do seu casamento. A mulher na Índia é preparada para casar e sua educação é posta em segundo plano. Além disso, a violência contra as mulheres também é um assunto preocupante e cada vez mais medidas estão sendo adotadas para coibir estupros e maus tratos.

Fonte: Piplantri Nos últimos seis anos mais de 250 mil árvores foram plantadas na região.

Pensando nesta causa, além do plantio das 111 árvores, a iniciativa também prevê um fundo de “confiança”, onde os pais depositam uma quantia de dinheiro (31.000 rúpias ou US$ 500) que  irá render juros durante 20 anos e servirá para sustentar os gastos da filha.

Por que do plantio de 111 árvores?

Como vimos, a tradição tem como conceito homenagear a filha recém-nascida e quebrar antigos tabus que historicamente prejudicavam a formação da mulher na Índia. Além disso, a iniciativa da aldeia de Piplantri também tem um forte apelo ambiental. Ao plantar 111 árvores, a população estará contribuindo diretamente para melhor qualidade de vida e do próprio sustento da aldeia.

Fonte: Piplantri A inciativa também prevê a criação de um fundo para ajudar no futuro das meninas da aldeia.

Com o passar dos anos, as árvores plantadas são cuidadosamente protegidas pelos membros da aldeia. O motivo? Elas representam o nascimento daquela menina e os cuidados que a família deve ter, ou seja, todo o ecossistema é protegido contra a ação humana.

A conexão dos moradores de Piplantri com a natureza, em virtude desta tradição, é tão grande, que somente nos últimos seis anos mais de 250 mil árvores foram plantadas na região.

O exemplo passado pela aldeia é uma prova de como é possível melhorar antigos conceitos e viver em plena harmonia com o meio ambiente.

Fonte: Piplantri.com
Fonte: Piplantri.com