Confira o ranking das 100 empresas mais sustentáveis do planeta

403 Visualizações
Sustentabilidade
Foto: ipeacemeal

Em janeiro, durante o Fórum Econômico Mundial em Davos (Suíça), 100 corporações preocupadas com a natureza e sua imagem diante da responsabilidade socioambiental dentro do ambiente corporativo receberam destaque no “The Global 100 Most Sustainable Corporations in the World”, ranking das empresas mais sustentáveis do mundo promovido pela revista canadense Corporate Knights. De acordo com a publicação de 2014, empresas nacionais como Natura, produtora de cosméticos e BRF Foods, do ramo alimentício, conseguiram o 23º e 95º lugar, respectivamente.

Nesta análise, o prêmio leva em consideração 12 indicadores quantitativos, a relação entre o salário do presidente da companhia e o de um trabalhador médio; o percentual de mulheres na gestão; a receita gerada por unidade de consumo de energia; impacto da produção no meio ambiente; redução de consumo de recursos naturais; dentre outros fatores. O primeiro lugar no ranking foi ocupado pelo Westpac Banking Corp, banco na Austrália que atendeu a 76,5% da pontuação de classificação. Em segundo lugar está a Biogen (USA), indústria farmacêutica, com 75,3% e em terceiro, uma exploradora de minérios finlandesa, com 74,2%.

Já em 10º, encontra-se a francesa Schneider Eletric, empresa especialista de gestão de energia, que saltou do 13º lugar em 2013 para a posição atual, assumindo a liderança na sua indústria e em bens de capital. De acordo com dados da Schneider, entre os anos 2011 e 2012 foi possível, através da tecnologia implantada em seus produtos e serviços, reduzir até 30% o consumo energético e 22% em água, além de contribuir para a sustentabilidade no Brasil.

O ranking da Corporate Knights é visto no mercado como uma das principais referências de economia verde entre investidores e tomadores de decisão. Desde 2005 o ranking reúne companhias listadas na bolsa com capitalização de mercado superior a US$ 2 bilhões e que apresentam o melhor desempenho na área de consumo sustentável em seus respectivos setores.

Sustentabilidade das empresas brasileiras

A Natura, produtora de cosméticos, conseguiu a 23º colocação no ranking canadense. Uma de suas metas sustentáveis cumpridas e que lhe renderam destaque foi em 2012, quando atingiu a marca de redução de 7,4% das emissões absolutas de GEE (Gases de Efeito Estufa), percentual abaixo da meta da instituição, que seria de 10%, segundo relatório. Além disso, projetos de reaproveitamento da água, que trouxeram à empresa 67% de economia de recursos hídricos também são resultados da preocupação da empresa com o meio ambiente.

Sustentabilidade
Foto: website-unavailable

A BRF Foods, atuante nos segmentos de carnes (aves, suínos e bovinos), alimentos industrializados (margarinas e massas) e lácteos, representou o Brasil ocupando o 95º lugar. Dentre os projeto e prêmios relacionados ao consumo sustentável, está o reconhecimento da indústria no Índice de Sustentabilidade (ISE) da BM&FBovespa há nove anos, sendo a 2ª colocada na última carteira divulgada (2013), CarbonDisclosure Project (CDP), relatório internacional das empresas com responsabilidade socioambiental. Além disso, há dois anos a companhia também integra a carteira de EmergingMarkets do Dow Jones Sustainability Index. A BRF ainda está entre as empresas listadas no Global Compact 100 Index, nova lista do Pacto Global da ONU.