Como o consumo desenfreado prejudica o meio ambiente

25.360 Visualizações
Consumo
Foto: horizontems

Em um mundo globalizado, dominado pelo capitalismo, o consumo está diretamente interligado ao desenvolvimento da sociedade. Quanto mais se consome, maior o desenvolvimento e a estabilidade econômica de cada estado e região.

Para os pesquisadores, o consumo desenfreado é reflexo das diversas crises econômicas que o mundo já enfrentou e vem enfrentando. Estudos apontam que a sociedade atual reconhece que o consumo é sinônimo de felicidade e bem estar, e até mesmo de prestigio e de status.

O problema é que há uma relação estreita e forte entre o consumismo e o meio ambiente. Isso porque para atender a demanda da produção e do consumo é necessário retirar matérias primas da natureza, fabricar e transportar materiais, fazer grande uso de energia elétrica e de água, entre outros. Tudo isso, gera emissão de gases poluentes, degradação e devastação ambiental, poluição geral e, consequentemente, a destruição de ecossistemas.

Essa relação entre consumo e sustentabilidade, no entanto, vai além da etapa de produção. Com a grande quantidade de opções e a alta tecnologia, cada vez mais os produtos tem menor tempo de vida útil e maior dificuldade de conserto, o que gera um enorme número de resíduo eletrônico.

Atualmente, o desenvolvimento sustentável é a principal solução contra a crise ambiental que o planeta enfrenta, já que é considerado o equilíbrio entre, sociedade, natureza e economia.

Nesse sentido, com o aumento dos problemas ambientais, governo, empresas e organizações se unem para procurar maneiras de fazer com que o país se desenvolva de forma sustentável, a fim de garantir seu progresso sem comprometer o futuro.

Educação Ambiental
Foto: ra-bugio

Para isso, algumas estratégias e políticas foram instituídas para possibilitar mudanças nos padrões de consumo. Entre as ações está a instituição de produtos recicláveis e biodegradáveis, como as sacolas implantadas em supermercados.

Além disso, a educação ambiental é um importante passo para o desenvolvimento sustentável. Isso porque, é preciso conscientizar todos os setores da sociedade para que haja um movimento completo e eficiente em prol do meio ambiente. Por isso, grandes fabricantes colocam no seu dia a dia ações que visam a sustentabilidade e a redução de gastos e emissões.