Astros da TV mostram os efeitos das mudanças das climáticas em documentário

400 Visualizações
facebook.com/YearsOfLiving Documentário Years of Living Dangerously.

O aumento dos incêndios florestais na Califórnia e o desmatamento na Indonésia são algumas das questões exploradas pelos cineastas Herrison Ford e James Cameron no Years of Living Dangerously (Anos Vivendo Perigosamente), documentário que mostra retratos reais da degradação ambiental pelo mundo. Transmitido desde o dia 13 de abril no canal Showtime, dos EUA, o vídeo dividido em nove episódios tem o objetivo de alertar o público sobre o impacto das mudanças climáticas na natureza e no modo de vida da sociedade.

James Cameron relatou à agência Reuters a sua preocupação com causas ambientais. “A devastação do planeta que estamos experimentando é realmente inconcebível para a maioria das pessoas, e acho que o que esta série pode fazer é torná-la familiar e torná-la muitíssimo real para as pessoas”. O cineasta contou com o apoio de outros ícones hollywoodianos, como Matt Damon, Jessica Alba, Don Cheadle, Michael C. Hall e Arnold Schwarzenegger para produzir a série e tornar o assunto ainda mais visível e lembrado pela sociedade.

Seca no Texas

O primeiro episódio – “Rezando por Chuva” – relata a situação da seca no estado do Texas (EUA), na região de Plainview. Don Cheadle visita o local e conhece a realidade dos moradores que enfrentam a dificuldade econômica por conta da falta de chuvas. Lá o ator entrevista Khatarine Hayoe, uma fonte especialista no tema que mostra os dados científicos.

Luke Robinson/Creative Commons Seca no Texas.

Cameron acredita que qualquer melhoria neste cenário só é possível com medidas legislativas, as quais o cineasta prevê que estão longe de acontecer.

Em outro episódio, Herrison Ford viaja à Indonésia para falar sobre o desmatamento na região. O ex-personagem do filme Indiana Jones procura o Ministro das Florestas e o presidente do país para cobrar explicações acerca do desastre.

Para ver mais detalhes da série, assista ao primeiro episódio na íntegra: