Conheça o camu-camu, a fruta que contém mais vitamina C do que o limão

748 views
Flickr/ Johnny Templing Embrapa está desenvolvendo projeto para estimular consumo da fruta.

Se você ainda não teve a oportunidade de visitar a floresta amazônica ou não é nativo da região, nunca deve ter ouvido falar do camu-camu (ou caçari, se preferir). A pequena fruta, visualmente parecida com a jabuticaba, é uma espécie silvestre de origem muito rara, encontrada na própria Amazônia, em alguns pontos do estado de Roraima e bastante consumida no Peru.

E se a existência do fruto já era um tanto quanto desconhecida por grande parte das pessoas, o que dizer do fato de que o camu-camu é a fruta com maior teor de vitamina C do planeta? Pois é, e justamente pela falta de informações e conhecimento do caçari que a Embrapa, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, está desenvolvendo uma iniciativa com o objetivo de estimular o seu aproveitamento.

O projeto ‘Domesticação, melhoramento e valoração de fruteiras nativas da Amazônia’ foi pensado com o intuito de viabilizar o consumo da fruta, através da criação de produtos comercializáveis como pratos de culinária e até remédios com base no caçari. Para estimular a pesquisa, a Embrapa tem realizado uma série de avaliações visando identificar as características nutricionais e sensoriais da fruta.

A ideia é, com o resultado das pesquisas, fazer com que o camu-camu seja levado até as agroindústrias regionais, para que as primeiras receitas com a espécie possam ganhar vida. Os pesquisadores enfatizam que, apesar de pouco comum, o caçari pode ser consumido in natura, fato que pode ajudar a Embrapa no processo de migração para outros lugares do país.