Nova York transforma vias públicas em áreas de lazer e preservação da natureza

878 views
Vá de Bike - New York
Foto: vadebike

Em 2013, Nova York (EUA) registrou a marca de oito milhões de habitantes. No entanto, a administração da metrópole nova-iorquina tem demonstrado que é possível fazer com que desenvolvimento financeiro e tecnológico e ações de preservação do meio ambiente coexistam mesmo em áreas que abrigam grandes comunidades. Produzido por Clarence Eckerson Jr., o vídeo chamado de NYC Streets Metamorphosis mostra como a cidade foi modificada em prol da mobilidade urbana sustentável, entretenimento e conservação do meio ambiente.

A praça Times Square é exemplo de mudança ecologicamente correta, pois, em 2005, os automóveis tomavam grande parte dos seus espaços. Contudo, de 2009 a 2012, o local passou a ceder áreas de lazer para as pessoas, disponibilizando cadeiras, mesas, vasos com plantas e shows musicais de artistas de rua. Inicialmente, a medida causou estranhamento por parte dos motoristas e pedestres, entretanto, todos os envolvidos no trânsito de Nova York colaboraram e, atualmente, a situação é tratada com naturalidade.

A Kent Avenue (Avenida Kent), no ano de 2002, não possuía asfalto regular nem mesmo ciclovias. Por isso, as adaptações para a melhoria da via começaram a partir de 2005. Já em 2008, a avenida ganhou uma ciclofaixa a qual posteriormente foi pintada de verde, justamente para remeter ao conceito sustentável da bicicleta, veículo que não emite poluentes.

Vá de Bike - New York
Praça Herald Square. Foto: vadebike

Outro exemplo de transformação foi o que ocorreu com a 9th Avenue (9ª avenida, em inglês). No ano de 2007, este local apresentava uma situação caótica de tráfego entre veículos e bikes. Mas este cenário mudou em 2013, quando a cidade adotou ciclovias e sinalização própria para as bicicletas.

Na praça Herald Square, a mudança também pode ser vista. Após investimento da administração local no desenvolvimento da estrutura, foi possível construir áreas verdes e local adequado para descanso dos usuários de bicicletas, tornando a praça espaços de convivência e lazer estruturado para promover até partidas de dominó. Tais mudanças são creditadas ao Departamento de Transportes (DOT, sigla em inglês) de Nova York e contam com o apoio da população.

Além disso, dar condições de segurança para quem utiliza bike pode atrair mais adeptos para esse meio de transporte sustentável, aumentando a qualidade de vida e reduzindo os congestionamentos.

Ficou curioso(a) para ver as mudanças na cidade de Nova York? Confira o vídeo: