Indústrias paulistas criam projeto para estimular a sustentabilidade por meio da arte

294 Visualizações
Divulgação / Sesi-SP Projeto Sustent’ARTE.

O Sustent’ARTE é um projeto das indústrias do Polo Cerâmico do Município de Santa Gertrudes/SP, organizado pelo Serviço Social da Indústria de São Paulo (SESI-SP), promovendo ações com as comunidades do entorno, utilizando parte dos resíduos gerados durante os processos produtivos na criação de produtos artísticos com apelo comercial, agregando o design como seu diferencial e expressando a preocupação da indústria com o desenvolvimento sustentável.

Devido à ação, o SESI recebeu o selo de sustentabilidade do Programa Benchmarking Brasil 2014, criado pelo Instituto Mais.

O projeto busca sensibilizar e conscientizar a população quanto aos problemas ambientais, assim como possibilitar a geração de renda, o resgate da cidadania e, consequentemente, a melhoria da qualidade de vida.

São três os principais objetivos da iniciativa. O primeiro é colaborar com os projetos de responsabilidade socioambiental das indústrias que compõem o maior polo cerâmico das Américas (Santa Gertrudes/SP), desenvolvendo e capacitando as comunidades do entorno na produção artesanal de peças personalizadas a partir do reaproveitamento dos resíduos de cerâmicas de revestimento como geradores de trabalho e renda.

Ao mesmo tempo, espera-se sensibilizar e conscientizar os públicos envolvidos para o uso sustentável dos recursos naturais e para a percepção dos impactos da ação humana no meio ambiente, promovendo mudanças de comportamentos e contribuindo para a minimização desses impactos.

Por fim, a ideia é agregar o design aos resíduos industriais, criando produtos artísticos diferenciados, considerando aspectos formais, funcionais e de acabamento, inserindo identidade que caracterize a preocupação das indústrias parceiras no desenvolvimento sustentável.

Empresa: SESI – Serviço Social da Indústria

Case: Sustent’ARTE SESI – SP

Responsável: Ivania Maria Filippi Novo

Este case foi certificado pelo Programa Benchmarking Brasil, edição 2014.