As vantagens e desvantagens dos produtos descartáveis

10.051 views
Embalagem de isopor
Foto: centrosulembalagens

Praticidade é a palavra que define os produtos descartáveis. Seu uso é crescente por trazer comodidade, mas levanta uma preocupação principalmente quando não são biodegradáveis, pois aumentam a quantidade de lixo descartado. É fácil ir até o supermercado e escolher alimentos já embalados, cortados e que economizam tempo na cozinha. Porém, para o meio ambiente, esta nem sempre é a melhor opção.

Do ponto de vista ecológico, o isopor, por exemplo, que sempre é encontrado acomodando frios, traz desvantagens porque se é jogado em lixo comum, sem a coleta seletiva, e demora muito tempo para se decompor. Esta comodidade dos produtos descartáveis ganhou força na década de 90, mas só recentemente as pessoas estão tomando mais consciência quanto ao tamanho do estrago provocado ao fazer uso desta tecnologia.

Confira algumas vantagens e desvantagens de alguns produtos descartáveis:

Garrafa vidro x garrafa de plástico

garrafa de vidro
Foto: pixabay

As garrafas de vidro de refrigerante, conhecidas como retornáveis, já fizeram parte da tradição familiar, mas teve seu uso substituído em grande parte por embalagem de plástico, por serem mais leves e práticas. Hoje, o vidro retorna a cena trazendo como vantagem a questão de beneficiar o meio ambiente, uma vez que cada garrafa pode voltar para o envasador até 30 vezes, sem perda de qualidade na embalagem ou contaminação do produto por substâncias nocivas. Outro ponto positivo é o preço menor se comparado às garrafas PET.

Lata de aço x embalagem de plástico

As embalagens de lata foram uma das primeiras formas para guardar alimentos por um longo prazo. Com o tempo, várias empresas substituíram seu uso como, por exemplo, óleos de soja hoje vêm em garrafas PET, polpa de tomate, em sachês de alumínio com plástico. Isso as tornou mais atraentes e baratas, mas acarretou desvantagens ambientais. Apesar de o plástico ser 100% reciclável, ele não pode retornar ao mercado como embalagens de outros alimentos – resolução 105/99 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O aço por sua vez, traz como vantagem o fato de conservar o alimento por um período maior, dispensar o uso de conservantes e poder ser reciclado infinitas vezes.

Embalagens plásticas
Foto: msn