Meio ambiente e sociedade: A influência da ação do Homem na natureza no chamado período antropoceno

20.282 views
dusantos_bh Desmatamento.

Não é de hoje que conseguimos verificar toda a influência do homem na natureza. Mesmo antes da descoberta do fogo, a humanidade já vinha transformando o meio ambiente para suprir todas as suas necessidades de sobrevivência. Identificando o atual cenário, já existe uma boa parcela dos cientistas que defende a criação de um novo período geológico: o antropoceno.

A mudança de período aconteceria porque, segundo cientistas, não há mais condições de se dividir as atitudes humanas às transformações do meio ambiente. Os pesquisadores alegam que as transformações causadas pelo homem na natureza são irreversíveis e, por conta disso, estaríamos entrando em uma era definitiva.

A escala do tempo geológico estabelece eras, períodos e épocas, idades que permitem categorizar diferentes fases desde a formação do planeta. O período antropoceno irá substituir a época holocena, vigente há mais de 11,7 mil anos. Assim, o novo período estabelece uma ligação intrínseca entre o homem e a natureza.

Esta mudança na linha do tempo geológico da Terra acarreta transformação na ciência, porque reconhece a interferência humana no processo de evolução do clima, geografia e movimento do planeta. Assim, a visão tradicional que divide o mundo em a “boa natureza” e o “homem mau” não será mais aplicável.

Cada época geológica tem suas características identificadas pelas camadas sedimentares. O Holoceno aconteceu logo após a última era glacial e teve condições ambientais favoráveis. Já o antropoceno ainda não tem um início definido, pois ainda não existe um consenso entre os pesquisadores.

©Depositphotos.com/cristiborda Agricultura.

A ação do homem no meio ambiente começou a ocorrer com a invenção da agricultura, há quase 10 mil anos atrás, porém, em uma escala local. Os cientistas concordam que a partir da revolução industrial, se dá uma influência ambiental em escala global.

Porém, o antropoceno chega colocando grande peso sobre os “ombros da humanidade”, já que especialistas acreditam que a ação do homem na natureza é irreversível. Portanto, o desafio é configurar a época atual com senso responsabilidade e de maneira sustentável.