A importância dos micro-organismos no meio ambiente

50.927 views
Micro-organismo
Foto: hierophant

Micro-organismos são seres vivos de tamanho extremamente reduzido, impossíveis de serem percebidos a olho nu. Presentes no planeta há milhões de anos, povoam todas as regiões da Terra de forma complexa e variada. Alguns exemplos de microrganismos bastante conhecidos são as bactérias, vírus, fungos e os protozoários.

Embora sejam muitas vezes associados a doenças – de fato, muitos microrganismos são responsáveis por patologias que afetam animais e seres humanos –, estes seres minúsculos também são muito importantes para a manutenção do equilíbrio ambiental.

Eles estão presentes em uma série de processos, como o ciclo do carbono e o ciclo do nitrogênio. E, se pensamos de forma mais ampla, a grande transformação da vida se dá exatamente através do trabalho de microrganismos, já que são eles que realizam a reciclagem de restos mortais através da decomposição.

Alguns microrganismos trabalham ainda em parceria com seres multicelulares. Um bom exemplo são as bactérias presentes em nossa flora intestinal, um grupo de seres invisíveis que sobrevivem em nosso corpo e, ao mesmo tempo, auxiliam no equilíbrio de seu funcionamento.

No mar, os fitoplânctons (organismos aquáticos microscópicos fotossintetizantes), encontrados principalmente em algas, são responsáveis por grande parte da produção de oxigênio. Os plânctons, que englobam o fitoplâncton e o zooplâncton (organismos aquáticos microscópicos não-fotossintetizantes) formam a base de toda a cadeia alimentar nos sistemas aquáticos.

zooplancton
Foto: wikipedia