Aprenda como fazer compostagem do lixo

1.331 Visualizações
Compostagem
Foto: joi

Uma das alternativas para evitar o aumento do lixo em aterros é fazer a sua reciclagem por meio da compostagem, processo que transforma o lixo orgânico em adubo fertilizante para as plantas. A grande vantagem dessa técnica é que ela pode ser feita em casa por qualquer pessoa que esteja interessada em montar sua horta ou que já possua uma variedade de plantas em sua residência.

O adubo fornece, através do processo químico-biológico de decomposição, uma gama de nutrientes essenciais e um crescimento mais rápido e sadio dos vegetais.

Confira o passo a passo de como fazer sua própria compostagem:

1. Vamos começar reutilizando um pote de sorvete. Você pode também utilizar recipientes maiores, conforme for melhor para a sua necessidade;

2. Faça furos no fundo dele com um prego. É por esse espaço que o chorume (líquido resultante do processo de decomposição) vai passar. Ele possui um odor muito forte, portanto, é melhor deixar nosso pote de sorvete em algum local mais afastado ou que não leve o cheiro para muitos lugares da sua casa. Detalhe: você vai recolher esse chorume, diluí-lo em água e jogá-lo novamente em sua composteira. A proporção para diluir é 1 copo de chorume para 9 copos de água;

3. Utilize uma bacia rasa ou algum outro recipiente em baixo do seu pote. Utilize um calço para que o chorume possa escorrer e ser armazenado nesse recipiente;

4. Pique restos de alimentos como vegetais, frutas, cascas em pequenos pedaços, você também pode adicionar o resto da borra de café, iogurte, etc. Tenha em mãos também serragem, folhas secas, papelão ou palha de milho. Nunca use: restos de comida com sal, óleo ou azeite, frutas cítricas, fezes de animais de estimação, cinzas de cigarro, restos de carnes e papéis coloridos;

Compostagem - adubo
Foto: naturlink

5. Com esses materiais em mãos, faça primeiro uma camada de serragem, papelão, folhas ou palha de milho (ou tudo misturado). Então, coloque o lixo úmido (orgânico). Depois, outra camada do material seco e outra do úmido. E assim quantas forem necessárias, lembrando que a camada de cima deverá ser sempre a seca;

6. Não tampe! Em 15 dias, você poderá mexer, com luvas ou um garfo de jardinagem, para misturar o material. Nessa hora você também poderá acrescentar mais material orgânico (não coloque diariamente);

7. Sua compostagem estará finalizada quando a cor for escura e o cheiro dela for de terra. Aí, é só distribuir o adubo em sua horta!