Pesquisadora cria drone capaz de plantar 100 mil árvores por dia

262 views

Uma solução inovadora para a salvação das florestas.

A Dendra Systems, uma empresa britânica de restauração ambiental fundada em 2014, nasceu com uma missão e tanto: ajudar a resolver as atuais crises ambientais do mundo. Para isso, desenvolve drones que restauram as florestas nativas do mundo por meio de uma combinação de ecologia de dados, análises e semeadura aérea. Esses equipamentos permitem que os coordenadores do local gerenciem e mantenham melhor suas terras em uma variedade de indústrias, seja por meio da identificação de ervas daninhas, erosão, populações de fauna e muito mais. As imagens têm uma precisão quase cirúrgica capaz captando até mesmo uma única folha de grama. quase de alta resolução geradas pelos drones, oferecem uma imagem nunca antes vista de uma propriedade de terra, captando até mesmo uma única folha de grama. O mecanismo de análise fácil de usar ajuda a diagnosticar problemas e criar planos de ação direcionados para a melhor solução de gestão ambiental.

Foto: Dendra

Os drones são capazes de analisar terras degradadas e plantar árvores de forma independente, o que eles chamam de “trator do céu” para restaurar os ecossistemas, além de diagnosticar os problemas do solo. O processo é totalmente escalonável e mais preciso do que outros métodos de correção de problemas ambientais. “Com os drones, você tem a capacidade de analisar um ecossistema inteiro até uma folha de grama. Eles podem capturar muito mais dados em um dia, do que os métodos tradicionais de monitoramento poderiam fazer por um longo período de tempo. Então, você está obviamente permitindo que os sistemas de IA analisem os dados que, novamente, são muito mais escalonáveis ​​do que poderíamos imaginar.”, afirma a criadora da inovação.

De quem foi a ideia?

A responsável por esse grande avanço é a Dra. Suzan Gahram, CEO e cofundadora da Dendra Systems, uma empresa de restauração ambiental fundada em 2014. Com sede em Londres, Graham é conhecida por seu trabalho em pesquisas, startups e mulheres jovens inspiradoras na área de tecnologia.

Foto: Unreasonable

Ela foi nomeada na lista Forbes 30 Under 30 para a indústria na Europa em 2017 e é a ex-vencedora do Grande Prêmio da Competição Hello Tomorrow 2015 e da Competição 2017 New York Venture Summit Pitch. Mais recentemente, ela foi a vencedora do Prêmio Advance para Líderes Emergentes, que reconhece australianos globais que representam a próxima geração de inovadores, líderes de pensamento, criadores e colaboradores.

A inovação de Gahram tem um objetivo é ambicioso: plantar 1 milhão de mudas por ano na Austrália, começando pelas áreas atingidas por incêncios florestais e desmatamento ilegal. “Atualmente temos 2 bilhões de hectares de terras degradadas e pontos de interrogação sobre o futuro da segurança alimentar para todos na Terra. Eu olhei para ele e pensei: Tem que haver a tecnologia para ajudar as pessoas a virar a maré nesta crise, diz a empreendedora.

Nós e a natureza estamos na torcida para que seu objetivo seja cumprido!

Fontes: Ucla | Dendra Systems | Dynamic Business