Estudante usa alga para criar garrafa de água biodegradável

953 views
Dezeen Garrafa começa a se decompor assim que o líquido é consumido.

A questão de reciclagem de plástico é um dos principais problemas a serem resolvidos pelo homem, visto que o processo de decomposição do material só acontece após um século de existência. Se no Japão descobriu-se uma bactéria que come garrafas PET, na Europa um estudante islandês se interessou pelo tema e desenvolveu o projeto de uma garrafa de água biodegradável.

A nova criação foi apresentada no início do mês por Ari Jónsson, estudante de design, em um evento nacional de design. Segundo o jovem profissional, a iniciativa foi estimulada com o objetivo de apresentar uma nova alternativa para “essa missão que não pode esperar”. Trata-se de uma nova garrafa que leva uma espécie de alga como matéria-prima em sua produção. O pó de Agar.

De acordo com o estudante, a descoberta do material veio após uma série de estudos realizados com diversos tipos de materiais, cujo objetivo era encontrar características que tornassem possível a produção de garrafas plásticas a partir de sua composição.

Com isso, Ari identificou que, quando adicionado à água, o pó de Agar reage bem à solução, transformando-se em um material que dará origem à garrafa (após a imersão e refrigeração).

“Por que estamos usando materiais que levam centenas de anos para se decompor na natureza e que jogamos fora após usá-lo uma só vez?”, questionou o jovem projetista islandês em entrevista ao site Dezeen, que cobriu o evento da apresentação.

Ainda de acordo com o criador, não somente o conteúdo, mas a própria garrafa pode ser consumida. Caso contrário, ao ficar vazia, a garrafa começa a se decompor, sem sobras de resíduos plásticos.