“Eco barco” serve de moradia, fornece energia elétrica, alimentação e água tratada

650 views
"Eco Barco"
Foto: inhabitat

Manter residência sobre a água não é novidade, há relatos de tentativas desde a década de 40. Entretanto, o norte-americano Adam Katzman, 29 anos, inovou. Ele mora num barco que produz a própria energia, alimentos e faz captação e tratamento das águas da chuva. E sabe quanto foi desembolsado para ter esta vida sustentável? Apenas um dólar!

Após fazer a aquisição junto a um familiar, Adam planejou viver na embarcação batizada como “The Jerko”, por aproximadamente um ano. Porém, a ideia de poder viver fora do ambiente urbano, mesmo que flutuando sobre o poluído canal Gowanus, em Nova York, fez com que o americano incrementasse as estruturas do ambiente até torná-lo autossuficiente e estável, sem se importar com as condições da maré.

Com a instalação de painéis solares na parte superior do barco, que fornecem energia limpa suficiente para o consumo de uma pessoa e a utilização de um sistema que filtra e armazena a água da chuva, com garantias de servir até duas pessoas diariamente, “The Jerko” se apresenta como uma opção ecologicamente correta e barata, já que uma casa simples, no mesmo estilo, custa 110 mil dólares nos Estados Unidos.

"Eco Barco"
Foto: elizabethweinberg

Por meio de uma horta cultivada no interior da embarcação e uma plantação externa e flutuante, que tem manutenção através de um filtro de bambu, Adam também produz os próprios alimentos e, para se mostrar definitivamente sustentável, cozinha tudo num fogão solar parabólico.

Embora a ideia seja promissora, existe resistência ao “eco barco”, pois veleja sobre o canal mais poluído da América e não é dependente dos sistemas de água, energia e inspeção habitacional da cidade. Entretanto, juntos desde 2010, “The Jerko” e Adam parecem viver bem ao economizar recursos naturais e evitar gastos com impostos excessivos.