A tartaruga gigante e outros animais das Ilhas Galápagos

1.455 Visualizações
wikipedia Tartaruga gigante.

Galápagos é formada por um conjunto de 13 ilhas, sendo que somente quatro delas são habitadas. Situada no Oceano Pacífico e administrada pelo Governo do Equador atrai turistas do mundo inteiro por conta de sua exuberante beleza natural e da biodiversidade elevada. Muitos animais são característicos somente dessa região, como a Tartaruga Gigante de Galápagos.

Pertencente à família Testudinidae, sua subespécie é a Chelonoidis nigra abingdonii. Na fase adulta, o réptil pode chegar a 1,80 metros de comprimento e pesar até 400 kg. Segundo estimativas de cientistas, o animal pode viver até os 180 anos. Famosa nas Ilhas Galápagos, foi responsável por emprestar o nome para o arquipélago e, atualmente, é considerada a maior tartaruga terrestre existente no planeta.

O formato da carapaça óssea da tartaruga gigante varia de acordo com a ilha em que habita. Essa variedade morfológica chamou a atenção de Charles Darwin durante sua passagem pelo arquipélago em 1835, e foi usada para sustentar sua teoria de evolução das espécies.

A tartaruga gigante mais conhecida de Galápagos é a chamada de George Solitário. Nascida em 1971, o animal viveu toda sua vida nas ilhas até morrer em junho de 2012. Sua importância é tão grande para a região, pois se acreditava ser a última da espécie a habitar Galápagos, que seu corpo foi embalsamado em Nova York. Futuramente, a tartaruga gigante será levada de volta para seu local de origem, onde será exibida em um museu que será construído em sua homenagem.

Após sua morte, descobriram-se parentes vivos de George Solitário em Galápagos, o que reacendeu a esperança para a recuperação da espécie por meio de um programa de reprodução em cativeiro.

Charlesjsharp Lobo-Marinho-de-Galápagos.

Além das tartarugas gigantes, outros animais vivem nas Ilhas Galápagos. O Lobo-Marinho-de-Galápagos é um deles, atualmente ameaçado de extinção por conta do aquecimento global que diminui a oferta de comida e de doenças transmitidas por animais domésticos.

Já a Iguana-marinha é encontrada somente em Galápagos e é o único lagarto a se alimentar de algas. A ave Atobá-de-Nazca é mais um animal que vive apenas nesse local.

O Aratu-vermelho é o caranguejo mais colorido da região. Já o Pinguim-de-Galápagos é o único pinguim encontrado no hemisfério norte e também está ameaçado de desaparecer da natureza.

Outros animais encontrados em Galápagos são: o Pelicano-pardo, a ave Atobá-de-pé-azul, a Tartaruga-verde-do-Pacífico, o Flamingo-comum, o Gavião-de-Galápagos, o Golfinho-nariz-de-garrafa, o Sabiá-de-Galápagos, a Cobra de Galápagos, a ave Pirupiru, o Albatroz-de-Galápagos, a Gaivota-de-cauda-bifurcada, e as aves Biguá-de-Galápagos, Tesourão e Tentilhão-de-Darwin.

trekearth Aratu-vermelho.