Quais benefícios de seu filho pisar na terra?

301 Visualizações

Muitos pais se preocupam com a exposição de seus filhos a doenças que são invisíveis aos olhos humanos na superfície, e por isso desde a infância instruem as crianças com frases, como “vai calçar um chinelo”, “coloca um chinelo ou vai ficar doente”.

Ocorre que, estudos científicos recomendam agora justamente o oposto: a ciência vem comprovando que andar descalça na terra, na grama e até na areia, na verdade, pode trazer grandes benefícios a saúde.

Adeus chinelos e sandálias

Conforme a pesquisa publicada no site científico NCBI, percorrer sobre o solo sem nenhum tipo de proteção, como os calçados, aumenta relativamente nossa saúde e sensação de bem-estar. Segundo o estudo realizado pelo Dr. James Oschan, doutor em biologia pela Universidade de Pittsburgh e especialista em medicina energética, os benefícios são cedidos graças à grande carga de elétrons presentes em solo. 

Estes elétrons adentram o corpo humano e trabalham como poderosos antioxidantes quando as pessoas andam descalças. As partículas também são responsáveis pela destruição dos radicais livres. 

O estudo explica que, “a ligação à terra reduz ou mesmo impede os sinais cardinais de inflamação após lesão: vermelhidão, calor, inchaço, dor e perda de função. A resolução rápida da inflamação crônica dolorosa foi confirmada em 20 estudos de caso usando imagens médicas por infravermelho”.

Em outro trecho, o apontamento esclarece que “nossa principal hipótese é que conectar o corpo à Terra, permite que elétrons livres da superfície da Terra se espalhem para o corpo, onde podem ter efeitos antioxidantes. Especificamente, sugerimos que os elétrons móveis criem um microambiente antioxidante. Em torno do campo de reparação de lesões, retardando ou evitando que as espécies reativas de oxigênio fornecidas pela explosão oxidativa causem “danos colaterais” ao tecido saudável e previnam ou reduzam a forma do processo inflamatório”.

Isso quer dizer que, o ingênuo ato das crianças (não apenas elas) andarem descalças sobre a terra é capaz de agir como um potente tratamento e uma viável solução a diversas doenças, como estresse crônico, disfunção no Sistema Nervoso Autônomo, inflamações, dores, sono fraco, insônia entre outras doenças comuns.

As vantagens continuam

Um outro estudo realizado pelo Departamento de Biologia Celular da Universidade da Califórnia, certificou que caminhar descalço aumenta o fluxo sanguíneo na região facial. A pesquisa, que foi publicada no The Journal of Alternative and Complementary Medicine, afirmou que o ato ainda é capaz de baixar a viscosidade do sangue.

Em uma publicação no NCBI, é possível encontrar outra pesquisa que revela que a prática de andar sobre a terra é um fator considerável e capaz de regular nosso sistema nervoso e endócrino.