Conheça 10 animais com mutações de cores incomuns

2.498 views

A natureza é um verdadeiro espetáculo de cores, inclusive quando falamos de vida animal. São milhares de espécies que apresentam tonalidades incríveis e que encantam quem as vê.

Mas também existem animais que não seguem um “padrão” de cores de sua espécie, ou seja, são bichos com mutações de cores incomuns e que chamam muito a atenção de todos nós. No post de hoje separamos 10 animais com mutações de cores incomuns para conhecermos. Confira!

1) Urso Panda Marrom: apesar de ter uma coloração preto e branca bem característica, alguns poucos ursos possuem tons marrons no lugar das manchas escuras.

Fonte: xonei.com.br

2) Pinguim Preto: espécie bem rara, o pinguim preto só foi catalogado nas ilhas próximas a Geórgia do Sul. Especialistas dizem que a espécie sofre de uma mutação oposta ao albinismo.

Fonte: mnn.com

3) Zebra Dourada: ao invés das listras pretas e brancas, a zebra dourada possui tonalidade dourada e é provocada em animais albinos da espécie.

Fonte: mnn.com

4) Golfinho Rosa: muito popular no Brasil,  o “Boto” encanta por sua tonalidade rosa provocada por vasos sanguíneos localizados bem próximos a última camada de pele. São considerados os maiores golfinhos de água doce de todo o planeta.

Fonte: mnn.com

5) Gato Vênus: esta espécie muito rara apresenta duas tonalidades de cores em seu rosto. O que ocorre é a mutação conhecida como quimerismo, onde o mesmo organismo é formado por células distintas. Apesar disso, o gato Vênus é plenamente saudável e leva uma vida normal.

Fonte: mnn.com

6) Lagosta Azul: esta espécie possui uma tonalidade mais azulada em seu exoesqueleto devido ao elevado número de proteínas em sua formação.

Fonte: mnn.com

7) Tigre Branco: parentes dos tigres de bengala, as espécies de tigres brancos não sofreram qualquer tipo de variação genética em sua formação, ou seja, não são albinos. São animais com coloração diferente dos demais.

Fonte: mnn.com

8) Cobras Brancas: devido à mutação piebaldismo, as cobras desta espécie apresentam uma pele bem branca em mistura com sua pigmentação natural, o que cria uma combinação exótica e chamativa.

Fonte: mnn.com

9) Leopardo Morango: sim, isso mesmo que acabou de ler. Existe uma espécie de leopardo que produz algumas manchas vermelhas na pele que se assemelham a morangos, por isso o nome. A mutação de cor é provocada por uma condição chamada, em inglês, de “Erythism”.

Fonte: mnn.com

10) Louva-Deus Rosa: assim com o leopardo no exemplo anterior, esta espécie produz maior quantidade de pigmentação vermelha e o resultado aparece nitidamente.

Fonte: mnn.com