Segundo pesquisa, empresas estão mais preocupadas com a sustentabilidade

692 views
© Depositphotos.com / cristovao Economia verde.

A crescente preocupação do ser humano com o meio ambiente vem influenciando o setor empresarial no mundo inteiro. Identificando a mudança de cenário, a Consultoria McKinsey & Company Global realiza uma pesquisa com líderes corporativos sobre o tema. Em 2014, foi identificada uma crescente preocupação do mundo dos negócios com o conceito de sustentabilidade.

O estudo intitulado Sustainability’s Strategic Worth (Valor Estratégico da Sustentabilidade), foi realizado com base nas afirmações de 3.344 pessoas que trabalham em meio ao setor corporativo das mais diversas regiões e nichos. A principal razão pela qual os executivos buscam a sustentabilidade, com 43% dos votos, é alinhar esse conceito com suas metas, missões e valores empresariais. Na última edição da pesquisa, em 2012, esse índice era de 30%.

Nos levantamentos anteriores, de acordo com a consultoria, a maioria dos participantes justificavam a busca pela sustentabilidade por conta de corte de custos e gestão da imagem das empresas. Em 2014, a gestão de reputação ficou em segundo lugar como a razão mais popular (36%), e o corte de custos ficou com 26%.

O número de CEOs que citaram a sustentabilidade como principal prioridade quase triplicou para 13% em 2014 com relação aos 5% de 2012.

“Uma razão para a mudança pode ser os próprios líderes das companhias acreditarem que a questão é mais importante. Os CEOs estão duas vezes mais propensos que eram em 2012 a dizer que a sustentabilidade é sua principal prioridade. Uma parte maior de outros executivos também colocam a sustentabilidade como um dos três principais itens da agenda de seus CEOs”, elucidaram Sheila Bonini and Anne-Titia Bové, que desenvolveram a análise da pesquisa.

© Depositphotos.com / minervastock Economia verde.

Das 13 principais atividades de sustentabilidade elencadas pela McKinsey, 64% dos executivos disseram estar reduzindo o uso da energia em suas operações, 63% afirmaram diminuir os resíduos e 59% declararam gerir sua reputação corporativa em sustentabilidade.

Por fim, a consultoria chegou a conclusão de que as empresas precisam seguir três pilares para realmente aplicar a sustentabilidade em sua essência: estender o ciclo de vida de seus produtos; buscar tecnologias que levem à melhoria dos índices de sustentabilidade; e focar nas estratégias de sustentabilidade que se quer adotar, como o desenvolvimento econômico ou mudanças de práticas de negócios, e depois dessa definição, desenvolver a estratégia com não mais de cinco prioridades claras e bem definidas.