Especial Beleza Sustentável: Laces and Hair

2.059 Visualizações

O Laces and Hair faz parte do Programa Beleza Verde, e nós o entrevistamos para mostrar um pouco mais sobre seu conceito sustentável no dia a dia. Confira!

Beleza, sustentabilidade e qualidade!

A sustentabilidade está em todo lugar, inclusive em pequenos detalhes da nossa rotina. Como o modo que consumimos água e energia. O modo como reciclamos resíduos e a forma como cuidamos da natureza e do seu habitat. O Programa Beleza Verde é uma certificação de que a natureza é respeitada neste momento tão particular para os salões de beleza: o uso de produtos e serviços estéticos.

Pensamento Verde: Como surgiu a ideia de montar um salão de beleza? Como foi a criação da sua marca, a escolha dos seus produtos e serviços?

Laces: Desde os 15 anos, Cris Dios assistia à sua mãe, Mercedes, num espaço onde nem poderia imaginar que plantas viriam a ser, no futuro, sua essência na forma de matérias-primas para cabelos saudáveis. Alquimias feitas em um fogão nos fundos de um pequeno salão no Brooklin já apontavam, que o seu futuro estava entre aquelas panelas e os cabelos saudáveis, que se tornariam o ofício desta paulistana louca por cosmetologia.

O início do Laces, foi um salão de tradição familiar que atua desde 1987, e desde o princípio esteve focado na saúde dos cabelos, ancorado em ingredientes naturais, orgânicos e cosmetologia moderna. Após alguns anos, profissionalizou todo o seu modelo criando uma nova empresa em 2012, que ainda mantém a essência do handmade familiar, mas com uma gestão moderna, humana e atual, valorizando suas clientes, colaboradores, e principalmente, em harmonia com o meio ambiente.

A escolha dos produtos e serviços sempre foram focados em estudos da própria Cris Dios, a partir de testes em seu cabelo para encontrar ingredientes da natureza que poderiam obter um bom resultado nos tratamentos capilares, proporcionando hidratação, saúde, reposição de massa e brilho, sem uso de químicas, corantes ou sulfato.

Pensamento Verde: Onde está o coração do salão? Aquele diferencial especial do Laces and Hair?

Laces: O Laces é o primeiro hair spa do Brasil a lançar no mercado, a primeira tintura para cabelos – coloração vegetal – 100% natural e livre de componentes químicos, (que pode ser usada por grávidas, e pessoas com alergia a coloração convencional).

Além disso, eles possuem uma linha própria de produtos com ingredientes orgânicos certificados, feitos na 1ª fábrica de orgânicos do Brasil (que pertence à empresa) para cultivar as matérias-primas usadas nos salões. Nos salões, alguns dos tratamentos são patenteados e exclusivos do salão, como: a coloração vegetal, o Hidromineral – Um blend de minerais que equilibram o excesso de oleosidade e fazem a reposição de sais minerais para o couro cabeludo. Trazendo nutrição, equilíbrio e vitalidade. E o tratamento Antistress: Trata-se de uma nutrição profunda que devolve proteínas internas aos fios através de ultrassom capilar.

Pensamento Verde: Vimos que vocês são especializados em vários procedimentos, o que é muito legal e extremamente importante para a beleza. Pode nos contar um pouco sobre suas especialidades, cursos, etc?

Laces: Cris Dios, à frente do Laces and Hair, viajou para todos os grandes centros buscando conhecimentos em design que formam os melhores profissionais do mundo: NY, Londres, Milão, Roma, Firenze, Frankfurt, Copenhague, Toronto, Quebec, Amsterdã, Paris e Provence, para se aperfeiçoar e estudar de perto com os grandes cabeleireiros.
Formou-se na faculdade Oswaldo Cruz como cosmetóloga. Cris não consegue definir o que é maior: sua paixão ou a curiosidade pelo universo do cabelo saudável. Mas, sua preocupação vai além da simbologia ou relação das clientes e seus cabelos, mas para com aquilo que está à frente de seu alcance e seu compromisso humano com a natureza.
Intrigada com o que o mercado oferecia e o que ela realmente acreditava, envolveu-se em uma vasta pesquisa, algo normalmente proveniente da grande indústria da beleza, encabeçado de forma inicialmente independente pela cabeleireira, empreendedora e cosmetóloga.

Pensamento Verde: Seu salão se preocupa muito com o meio ambiente e implementa ações em prol da beleza sustentável, inclusive, faz parte do Programa Beleza Verde. Como você inspira sua equipe a fim de serem mais sustentáveis, cuidando do meio ambiente, seja na rotina do salão quanto fora dele?

Laces: Em novembro de 2015, Cris Dios inaugurou uma unidade Laces and Hair, em Moema, com um projeto 100% sustentável, a fim de dialogar de forma completa com seu conceito orgânico e consciência ambiental. O projeto é sustentável desde sua concepção, onde mais de 80% dos materiais utilizados são reaproveitados, como tijolos, telhas e madeiras de demolição, evitando o descarte. O ponto alto é a lavagem dos cabelos, feita com água coletada da chuva, onde cisternas de 20.000 litros armazenam a água, que passa por um sistema de tratamento ativo por osmose reversa. Em 2016, lançou a primeira coloração vegetal do Brasil. E no ano passado, comprou a 1ª fábrica de orgânicos do Brasil para cultivar as matérias-primas usadas nos salões e, com isso, otimizar o seu lead time de pesquisas e de produção.

Os alicerces ambientais da empresa incluem uma série de cuidados, que vão desde a fabricação dos produtos e aproveitamento de água até o uso de ingredientes orgânicos e ingredientes low chemical (pouca química), produtos rastreáveis (perdas pequenas) e redução de resíduos – através do método chamado hair size, que controla e reduz ao mínimo a quantidade de produto químico usada no salão afim de gerar economia para a empresa, reduzindo também a quantidade de resíduos jogados no meio ambiente e evitando expor suas clientes ao excesso de química.

Dentre os cuidados estão ainda o uso da coloração vegetal e roll meches, ferramenta usada desde 2006 pelo Laces, que elimina o uso do papel alumínio e produz uma grande economia no uso da coloração. Essa técnica é reaproveitável e já reduziu o depósito de cerca de 4 toneladas de papel alumínio no meio ambiente (de 2011 até 2017). O Laces também se utiliza da logística reversa (conjunto de ações, procedimentos e meios destinados a viabilizar a coleta e a restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial para reaproveitamento ou outra destinação final ambientalmente adequada), da compensação de carbono (carbon free) através da parceria com a empresa Carbon Limited, equilibrando e compensando as emissões de gases de efeito estufa, com intuito de reduzir os tóxicos gerados no planeta, e do tratamento de esgoto para minimizar possíveis danos ao meio ambiente.

Pensamento Verde: Sobre o setor de beleza: como vê a preocupação do setor com o meio ambiente? Na sua opinião, o que precisamos fazer/mudar para alcançar uma beleza plenamente sustentável?

Cris Dios: Eu acho que estamos engatinhando nesse sentido, principalmente no Brasil, pois ainda não é um valor que o mercado pratica. Em especial, a indústria da beleza, que acaba se tornando uma beleza sem consciência usando desde produtos proibidos como o formol, que provoca danos à saúde dos cabelos, o exagero na quantidade e o consumismo exacerbado.

Tenho visto em feiras, marcas que procuram usar ingredientes mais verdes nesse movimento da contramão que cresce também, com produtos ótimos. Temos recursos incríveis no Brasil, seis biomas maravilhosos que nos proporcionam óleos, raízes, frutos, ceras incríveis para cuidados e cosméticos. Mas que ainda vem como tendência de moda, e não como consciência. É válido para um primeiro passo, e tudo o que a gente puder fazer para orientar e buscar essa consciência de todas as pessoas a nossa volta. Se aceitar em sua melhor versão, escolhendo produtos melhores, utilizando menos, gerando menos resíduos.

A sustentabilidade é isso, não é nada radical, mas sim, viver em equilíbrio. O equilíbrio é a melhor coisa, acredito muito nisso. Cada vez mais a gente busca essa versão mais saudável e natural de si mesma, no Laces nós encorajamos nossos clientes e colaboradores, a buscar por esse equilíbrio, ao consumo consciente e correto. De forma que o universo da beleza esteja em sintonia com o meio-ambiente – evitando descarte de produtos que não são biodegradáveis ou recicláveis, pensar nos componentes químicos…

Com o fair trade, que realizamos no Laces, também é possível ter a assertividade do produto que vai ser bom para seu cabelo. Onde deixamos o cliente levar e testar um produto, sem pagar por ele, para que ele veja se adequa ao seu fio. Essa iniciativa evita que tenhamos vários produtos que compramos, e acabamos não usando em casa.

Pensamento Verde: Qual conselho você daria aos nossos leitores, a fim de orientá-los de modo que realizem suas rotinas de beleza em casa sem deixar a sustentabilidade de lado?

Cris Dios: O conselho que eu dou é você se conhecer, ou através do auxílio de um profissional mais naturalista, conhecer o seu cabelo, procurar a sua melhor versão, uma versão mais natural. Isso causa menos danos no seu cabelo, e um consumo mais consciente de produtos, acumulando menos lixo. Ter essa consciência de cuidado com a sua pele (maior órgão do corpo humano), do seu couro cabeludo, buscando sempre os melhores ingredientes, mais saudáveis.

Conheça mais sobre o Laces and Hair

Enquanto o mundo estava imerso na busca de soluções rápidas, Mercedes Dios era jovem, inquieta. Com acurada sensibilidade desenvolveu um método revolucionário: as técnicas utilizadas no Laces and Hair, que levam em comum o código único. Ela também parecia “não ligar” para os produtos industriais, por isso iniciou a pesquisa com ervas, flores e frutos tropicais. Nesses cinqüenta anos, conseguiu uma alquimia exclusiva que deu origem aos produtos usados no Laces.