Qual a importância da logística reversa?

588 Visualizações

A logística reversa é um instrumento de desenvolvimento econômico e social caracterizado por um conjunto de ações, procedimentos e meios destinados a viabilizar a coleta e a restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial, para reaproveitamento em seu ciclo ou em outros ciclos produtivos, ou outra destinação final ambientalmente adequada.

De acordo com a Política Nacional de Resíduos Sólidos – Lei nº 12305/10, na gestão e gerenciamento de resíduos sólidos, deve ser observada a seguinte ordem de prioridade: não geração, redução, reutilização, reciclagem, tratamento dos resíduos sólidos e disposição final ambientalmente adequada dos rejeitos.

Responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos

É extremamente importante que as empresas tenham consciência de sua responsabilidade legal no que diz respeito ao gerenciamento de resíduos e de sua importância para minimização dos impactos ambientais adversos dentro e fora da organização.

Os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes são responsáveis por promover a logística reversa das embalagens pós-consumo para que seja feito o correto gerenciamento dos resíduos gerados pelo consumidor final.

Segundo a lei, são atribuições individualizadas e encadeadas dos fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes, dos consumidores e dos titulares dos serviços públicos de limpeza urbana e de manejo dos resíduos sólidos, minimizar o volume de resíduos sólidos e rejeitos gerados, a fim de reduzir os impactos causados à saúde humana e à qualidade ambiental decorrentes do ciclo de vida dos produtos.

No entanto, o consumidor final tem um papel importante na cadeia de logística reversa e deve se atentar aos programas implementados para o descarte correto dos resíduos gerados. A ideia não é tornar o descarte uma obrigação para as pessoas, mas conscientizar sobre a maneira certa de fazê-lo.

logistica reversa
logistica reversa

Quais ações precisam ser tomadas para a implementação da logística reversa?

De acordo com a lei é obrigatório estruturar e implementar sistemas de logística reversa em toda instituição, mediante retorno dos produtos após o uso pelo consumidor. Ou seja, cabe ao fabricante, importador, distribuidor e comerciante tomar as medidas necessárias para assegurar a implementação e operacionalização do sistema de logística reversa.

As medidas necessárias se encaixam em:

• Implantar procedimentos de compra de produtos ou embalagens usadas;

• Disponibilizar postos de entrega de resíduos reutilizáveis e recicláveis;

• Atuar em parceria com cooperativas ou outras formas de associação que coletam materiais reutilizáveis e recicláveis. Neste caso, baseando-se no Art. 9o da Lei Nº 12.305. §1º – “Poderão ser utilizadas tecnologias visando à recuperação energética dos resíduos sólidos urbanos, desde que tenha sido comprovada sua viabilidade técnica e ambiental e com a implantação de programa de monitoramento de emissão de gases tóxicos aprovado pelo órgão ambiental”.

Além disso, o consumidor, o distribuidor e o comerciante também possuem a responsabilidade de destinar seus resíduos de modo consciente e correto:

• Os consumidores deverão efetuar a devolução após o uso, aos comerciantes ou distribuidores dos produtos e das embalagens e objetos de logística reversa;

• Os comerciantes e distribuidores deverão efetuar a devolução aos fabricantes ou aos importadores dos produtos e embalagens reunidos ou devolvidos;

Desta maneira, os fabricantes e importadores darão a destinação ambientalmente adequada aos produtos e embalagens coletados, e o que for considerado rejeito será encaminhado para a disposição final adequada.

Programas de Logística Reversa

Com o intuito de incentivar e conscientizar empresas sobre a importância da implementação de programas de logística reversa, a Braskem criou o programa de reciclagem de copos de polipropileno, valorizando a cadeia do plástico e incentivando o descarte correto dos copos descartáveis.

O Programa de Logística Reversa de Copos Descartáveis de Polipropileno (PP) faz parte da plataforma Wecycle e tem como principal objetivo promover o retorno dos copos para a cadeia produtiva do plástico transformando-o em um novo produto e disseminando informações e boas práticas conscientes junto a empresas de diferentes perfis e setores da economia.

A Dinâmica Ambiental é parceira da plataforma e seu trabalho consiste em coletar os copos gerados nas empresas e encaminhá-los para a reciclagem, onde os copos passarão por processos de transformação e retornarão para a cadeia produtiva em forma de resina plástica reciclada, que poderá ser utilizada para fabricação de novos produtos.

A iniciativa tem chamado a atenção de muitas organizações e conta com o apoio de empresas como Altacoppo, Copobras e Jaguar Plásticos.

Conheça mais sobre o Programa de Reciclagem de Copos de Polipropileno PP, . Acesse: https://www.pensamentoverde.com.br/wecycle/programa-de-reciclagem-de-copos-de-polipropileno/

Faça parte você também, transforme o mundo, seu apoio vale muito!