Prazo para o cadastro de empresas para a destinação de resíduos encerra hoje

82 Visualizações

Termina nesta segunda o prazo para que todas as empresas geradoras de resíduos sólidos da cidade de São Paulo se cadastrem no CTR-e da Amlurb. Quem não realizar o cadastro até hoje, estará sujeito às penalidades previstas na legislação. Veja se você se enquadra.

 

Todas as empresas instaladas na capital paulista, independente do porte (ME, MEI, Eireli, etc.), ramo de atividade ou local de instalação, bem como condomínios ou edifícios empresariais, devem realizar o cadastro no CTR-e para informar se são grandes geradoras de resíduos ou não.

De acordo com a Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb), são consideradas grandes geradoras de resíduos as empresas que produzem mais de 200 litros de resíduos ao dia ou mais de 50 quilos de entulhos ou resíduos de construção. Estas deverão contratar uma empresa para a execução dos serviços de coleta, transporte, tratamento e destinação final dos resíduos gerados.

As empresas que não se enquadram neste perfil, ou seja, as pequenas geradoras, podem continuar separando os resíduos produzidos em duas frações: secos (recicláveis) e úmido (rejeitos). Os resíduos devem ser colocados em sacos nas calçadas nos dias e horários estipulados para a coleta domiciliar na região.

Tecnologia para acompanhamento dos resíduos

O CTR-e é um sistema eletrônico criado pela Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb) para fiscalizar todas as empresas cadastradas no sistema, sejam elas grandes ou pequenas geradoras de resíduos.

Ao realizar o cadastro, a empresa recebe um “QR Code”, que deve ser fixado em local visível no estabelecimento. Esta tecnologia permite que o caminho dos resíduos gerados naquele local seja rastreado, desde o container da empresa geradora, passando pela transportadora até a destinatária final. Com isso, a Prefeitura de São Paulo, por meio da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana – Amlurb, terá todas as informações de como o resíduo é coletado, transportado e, por fim, destinado.

Até o momento, já foram realizados mais de 76 mil cadastros no sistema. A multa para quem não se adequar à nova determinação é de R$ 1.639,60. O cadastro é realizado de forma digital no endereço https://www.ctre.com.br/login.

Responsabilidade ambiental

É fundamental que as empresas tenham consciência de sua responsabilidade, no que diz respeito ao gerenciamento dos resíduos produzidos em suas atividades diárias.

Para conscientizar sobre a importância da implementação de programas que incentivem o descarte adequado de resíduos, desde o ano passado a Braskem, em parceria com a Dinâmica Ambiental, vem promovendo o programa de reciclagem de copos de polipropileno.

Além de ajudar as corporações a darem um descarte adequado para este resíduo, o programa tem como objetivo valorizar a cadeia do plástico, que pode retornar ao ciclo produtivo e dar forma a novos produtos.

O Programa de Reciclagem de Copos Descartáveis de Polipropileno (PP) faz parte da plataforma Wecycle e a empresa Dinâmica Ambiental, especialista no gerenciamento de resíduos sólidos, é a responsável pela coleta dos copos e pelo encaminhamento para a reciclagem. Conheça mais sobre o Programa de Reciclagem de Copos de Polipropileno PP e participe!