Sustentabilidade no mundo pet

297 views

A sustentabilidade está cada vez mais presente em nosso cotidiano e o mercado pet também tem buscado se adequar a esse cenário, propondo produtos que tragam benefícios aos animais sem agredir o meio ambiente.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), o Brasil é o quarto país do mundo em população total de animais de estimação que, segundo o IBGE, é composta por 52 milhões de cães e 22 milhões de gatos.

Nesse sentido, atualmente, o mercado pet brasileiro é o terceiro maior em faturamento no mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e Reino Unido.

Com números tão expressivos, não é à toa que empresas do setor vêm transformando a forma que produzem roupas, alimentos, comedouros, acessórios e produtos de higiene, com o objetivo principal de eliminar a utilização de componentes como plásticos e químicos em seus produtos, uma vez que essas substâncias podem prejudicar o meio ambiente e a saúde dos pets.

Tendências sustentáveis no mercado pet

Uma grande tendência no setor está relacionada a adoção de ingredientes orgânicos, totalmente livres de agrotóxicos, para produção de petiscos e rações com alto fator nutritivo.
Além disso, empresas do setor pet têm desenvolvido produtos de higiene – como shampoos, condicionadores, sabonetes e cremes – livres de componentes químicos como parabenos, que podem afetar o sistema endócrino dos animais, além de derivados do petróleo que são produzidos por meio da exploração mineral, logo, geram um impacto negativo no meio ambiente.

Outra aposta sustentável envolve a retirada do plástico da composição de acessórios. No lugar dele, o bambu vem despontando como matéria-prima substituta, graças à sua maleabilidade e resistência.

Vale mencionar também as casinhas de cachorro, que começam a ser feitas de madeira de reflorestamento ou então de materiais reciclados e reaproveitados, como caixotes de feira, pneus, entre outros.

Ainda que esses produtos estejam cada vez mais presentes no mercado, sabemos que pode ser difícil encontrá-los, por isso, separamos também algumas dicas de como você pode praticar a sustentabilidade com o seu pet:

Troque os comedouros de plástico

Dê preferência aos potes de comida de alumínio. Além de serem mais sustentáveis, eles têm maior durabilidade e preservam a temperatura da água por mais tempo, mantendo-a fresca.

Escolha sacos biodegradáveis nos passeios

Vai passear com seu cão? Ao invés de sacolas plásticas, opte por sacos biodegradáveis. Uma alternativa é utilizar sacos de pão.

Faça brinquedos em casa

Ao invés de investir em brinquedos de marca feitos de materiais como plástico, você pode criar alternativas com objetos como camisetas, meias, cordas, garrafas pet que irão divertir seu pet por um bom tempo. Dessa forma você economiza e contribui com a preservação do meio ambiente.

Atenção aos produtos de higiene

Opte por produtos de higiene que tenham ingredientes naturais na fórmula. Além de serem sustentáveis, eles farão bem a pele do seu animal.

Compre alimentos orgânicos ou veganos

Diversas marcas oferecem opções de petiscos e ração orgânica ou vegana. Experimente incluir na dieta do seu pet.

Curtiu as dicas e quer saber mais sobre sustentabilidade pet? Conheça o podcast do Pensamento Verde e ouça a conversa com Priscila Manfrim, especialista no assunto e diretora da Special Dog Company.

Fontes: Pensamento Verde | Festival da Sustentabilidade | My Happy Pet