Aquecimento Global: como diminuir gases de efeito estufa?

4.354 Visualizações
Indústria Poluente
Foto: Guilherme Cecílio

Alguns cientistas definem o aquecimento global como uma fase natural do planeta. Segundo eles, a Terra está saindo da era glacial e entrando para a interglacial, que tem como consequência o aumento das temperaturas. Entretanto, esse fenômeno está diretamente ligado às atividades humanas, como a queima de combustíveis fósseis que produzem os GEE (Gases do Efeito Estufa): CO2 (dióxido de carbono), CH4 (metano), N2O (óxido nitroso) e PFC’s (Perfluorcarbonetos).

Os GEE possuem duas fontes principais que contribuem para o desenvolvimento do efeito estufa: de ordem natural e como consequência de atividades humanas, como a queima de petróleo, carvão mineral e gás natural. Esse fenômeno funciona como uma estufa de plantas, onde o vidro aceita a entrada de calor, mas não deixa o calor sair. Os gases tem o mesmo efeito na Terra, permitem a entrada da radiação do Sol, mas evitam que ela saia.

As principais consequências desse fenômeno são o aumento das temperaturas e as alterações climáticas que intensificam fenômenos naturais como furacões, secas, entre outros. Outro efeito alarmante é o degelo, estima-se que o oceano Ártico – área mais afetada – sofreu, nos últimos anos, uma redução de 15% no seu gelo. Mas como diminuir os Gases do Efeito Estufa? O PV preparou uma série de soluções para você aplicar no seu dia a dia e contribuir com a preservação do planeta:

Urso Polar
Foto: 1000photosofnewyorkcity

Em casa…

Dentro de casa você pode começar aproveitando ao máximo a iluminação natural dos ambientes. Troque também os fogões elétricos por um eletrodoméstico a gás, eles emitem 50% menos gases causadores do efeito estufa. Outra dica está no banheiro, os chuveiros elétricos, por exemplo, liberam quatro vezes mais gases do que os aparelhos aquecidos a gás. Na hora de lavar a roupa também é possível colaborar, trocar a secadora pelo varal diminui 3 kg da emissão dessas substâncias, além disso, você pode substituir a água quente pela fria e reduzir em até 15 vezes a emissão.

Foto: Cinema Mudo
Foto: Cinema Mudo

Outras medidas, também simples, como realizar a reciclagem de resíduos, trocar o ar condicionado pelo ventilador, ou tirar da tomada aparelhos que ficam em standy by, também contribuem com a diminuição dos gases do efeito estufa na atmosfera.

Na rua…

Quando for sair de casa, para ir ao trabalho, por exemplo, uma dica bem conhecida é substituir o carro pela bicicleta ou pelo transporte público. Se optar pelo automóvel, na hora de abastecer dê preferência aos biocombustíveis como o biodiesel e o etanol. Os motoristas devem também regular os seus automóveis com frequência, para evitar a queima desnecessária de combustível.

Bicicleta
Foto: pixabay.com

Na hora das compras, também é possível reduzir as emissões. Escolha os produtos reciclados ou aqueles que você pode encaminhar para a reciclagem, controle também a lista do supermercado e evite o desperdício de resíduos. Quando adquirir novos eletrodomésticos dê preferência àqueles com eficiência de energia. Essas e tantas outras atitudes verdes vão fazer a diferença no futuro.