Ambev lança água e reverte verba para garantir o abastecimento no interior do Ceará

373 views
© Depositphotos.com / gunnar3000 Aiuaba, Jaguaruana e Capistrano serão as primeiras cidades ajudadas pelo projeto.

Segundo dados na ONU, cerca de 3,5 milhões de pessoas morrem todos os anos em todo o mundo por adversidades no abastecimento ineficaz de água, falta de saneamento e higienização.

Para ajudar a mudar esse cenário, a Ambev desenvolveu a água mineral AMA, produto que tem como principal objetivo reverter toda a sua verba para garantir o abastecimento de água potável no interior do Ceará.

A água, que já está sendo comercializada nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro e também online, estará disponível em todo o país até o final do ano. Em release oficial, o presidente da Ambev, Bernardo Paiva, comentou que esse produto é uma inovação para o mercado brasileiro, uma vez que 100% do lucro será destinado para projetos que ajudam locais que sofrem com a falta de água.

O projeto inaugurado no dia 22 de março, Dia Mundial da Água, vai começar ajudando três das comunidades que mais sofrem com a seca no Brasil: Aiuaba, Jaguaruana e Capistrano, todas localizadas no interior do Ceará.

Os investimentos da AMA servirão para dar seguimento a alguns projetos de abastecimento, como a perfuração de poços de água e a instalação de microusinas de energia solar que ajudará na redução de custos do fornecimento de água da região. Todas essas ações serão gerenciadas pela própria comunidade, após suas conclusões.

A Ambev conta com a parceria da SISAR (Sistema Integrado de Saneamento Rural) empresa incumbida de administrar a maior parte dos recursos de água rurais do Ceará e executar os projetos nas três comunidades. A empresa ainda disponibiliza equipes especializadas em recursos hídricos e assistentes sociais que dão a estrutura necessária para que todas as ações sejam desenvolvidas de forma sustentável.

O intuito é ampliar o programa para todo o semiárido brasileiro, com a colaboração da Fundación Avina, ONG que trabalha em prol do desenvolvimento sustentável da América Latina.

Criação da água mineral AMA

O projeto teve início em 2015, quando o setor sustentável da Ambev decidiu aumentar e criar novos programas de prevenção e uso consciente da água. Porém, a ideia da AMA só saiu do papel após a parceria entre o Yunus Corporate Action Take, programa que tem como intuito incentivar as empresas a criarem soluções para resolver os problemas sociais das regiões mais deficientes.

Além de ajudar essas três comunidades, a AMA está colaborando para que o sexto Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU seja realizado, garantindo que todos tenham a liberdade e controle sustentável da água e saneamento.

“A AMA não vai só financiar projetos que aumentem o acesso à água potável, mas vai, também, ser uma forma de conscientizar mais pessoas, de trazer atenção para esse problema e de conectar as pessoas que vivem hoje em um mundo tão polarizado e individualizado”, explicou o diretor de sustentabilidade da Ambev Renato Biava, em release oficial.

O trabalho que foi considerado pelo Banco Mundial uma das melhores medidas de gestão de água rural já criadas, pode ser acompanhado pelo site, onde estão disponíveis todas as informações sobre o projeto, prestações de contas, investimentos e andamento de cada ação.