Embalagens de salgadinhos e doces podem — e devem — ser recicladas

1.567 Visualizações

O material presente em embalagens de salgadinhos, doces, café, entre outros produtos, é 100% reciclável. No entanto, o índice de reciclagem é baixo devido à falta de informação.

Essas embalagens são feitas com BOPP (bi-axially oriented polypropylene, ou traduzindo, polipropileno biorientado), um tipo de filme plástico muito usado por ser fácil de colorir, imprimir e laminar. Pode ser metalizado, transparente, opaco ou fosco e é encontrado não só em pacotes de salgadinhos, como também de chocolates, balas, biscoitos, cafés, barrinhas de cereais e outros alimentos, além dos rótulos de garrafa PET.
Laudo do Cetea-Ital (Centro de Tecnologia de Embalagem e Instituto de Tecnologia de Embalagens para Alimentos) aponta que, uma vez que a espessura da camada de alumínio presente na embalagem de BOPP metalizado é cerca de 1.000 vezes menor que a espessura do filme de BOPP, não há problemas em sua reciclabilidade. Dessa forma, tanto as embalagens metalizadas, como as transparentes, devem levar o símbolo identificando que são recicláveis (de três setas triangulares) e a sigla BOPP. Elas devem ser coletadas juntamente com os plásticos.
Com a reciclagem, é possível criar outros produtos a partir da película, que vão desde displays de varejo até bolsas e carteiras.

Por que reciclar?

O reaproveitamento das embalagens de BOPP impacta positivamente em vários cenários. Cada 1 tonelada de material plástico reciclado resulta em 1,5 tonelada a menos de gases de efeito estufa na atmosfera e 1,1 tonelada a menos de resíduo plástico em aterros. Além disso, traz a economia média de 75% de energia e 450 litros de água a menos na produção.

Como descartar corretamente?

Para poder destinar a embalagem para a reciclagem, retire, se houver, os restos de comida de dentro do pacote. Se necessário, lave a embalagem (no caso dos chocolates, pode haver resíduos quando ele derrete, por exemplo). Por fim, descarte na lixeira de coleta seletiva, no recipiente específico para plásticos. Você pode também retornar as embalagens para a fabricante reutilizá-las, mas contate-a antes para verificar se elas possuem programa nesse sentido.

Outras formas de reaproveitamento

Além de encaminhar as embalagens de BOPP para a reciclagem, há outras maneiras de reaproveitá-las. Você pode juntar vários invólucros e picotá-los para utilizar como recheio de almofada, puff ou de uma caminha para seu animal de estimação.
É possível fazer também estojos, bolsa térmica, colchão de acampar, um jogo de mesa americano ou tapetes para sua casa. Na internet, há vídeos que mostram o passo a passo.