Roraima recebe brigadistas para combater focos de calor e evitar incêndios

255 Visualizações
Incêndio
Foto: Roque Neto/TV Roraima

A capital de Roraima, Bela Vista, recebeu hoje 21 brigadistas especializados no combate de queimadas. Vindos da capital brasileira, eles foram convocados para evitar focos de calor nas florestas típicas do estado de Roraima e devastações provocadas pelo fogo. Desde o começo do ano já foram notificadas 1.021 focos de calor no estado. O objetivo do trabalho deles é impedir que novos focos apareçam na região.

Os locais de atuação dos brigadistas ainda não foram divulgados, necessitam de um mapeamento realizado via satélite pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), que vai identificar onde existe maior probabilidade de ocorrer estes desastres.

Além dos brigadistas, uma aeronave que faz parte do programa de prevenção de incêndios será usada como aporte para sobrevoar áreas de risco e detectá-los a tempo de evitá-los.

Para o superintendente do Ibama, Diego Bueno, todo o reforço é para conter a situação climática típica dessa época do ano, quando há maior incidência de vento e calor. Bueno ainda destacou a presença de mais outros 90 homens em quatro brigadas localizadas em terras indígenas e uma no Projeto de Assentamento (PA) Nova Amazônia, na zona rural da capital.

Outra solução encontrada pelo governo para evitar estes mesmos problemas ambientais foi criar um calendário de prevenção a incêndios e devastações por todo o Brasil. As operações de combate ao fogo no estado de Roraima, por exemplo, estão com data prevista entre setembro de 2014 a abril de 2015, porém, devido à incidência dos 1.021 focos de calor, o estado interferiu antes e solicitou os brigadistas por questões emergenciais.

Brigadistas
Foto: bvnews