O que são fenômenos atmosféricos?

38.277 views
© Depositphotos.com / Pakhnyushchyy Nuvens.

Processos naturais que acontecem na camada da atmosfera terrestre, os chamados fenômenos atmosféricos estão relacionados às dinâmicas de temperatura do ar e da pressão atmosférica, e envolvem vento, umidade, formação de nuvens e precipitações. Conheça um pouco mais sobre cada elemento abaixo.

Formação de nuvens

Consequência direta da umidade do ar, as nuvens são formadas pelo vapor d’água mais leve do que o ar, que se condensa. Quando essa condensação ocorre próxima aos solos, forma-se a neblina.

Neste sentido, há ainda a umidade, que é a quantidade de água que se encontra no ar na forma de vapor ou de pequenas gotas. Esta é resultante e integrante dos processos que compõem o ciclo hidrológico: evaporação, condensação e precipitação.

Temperatura

A temperatura é um fenômeno atmosférico que diz respeito ao maior ou menor calor dos elementos na superfície da terra. A sua variação depende de vários elementos, como: altitude, latitude, continentalidade, maritimidade e as ações humanas.

Pressão Atmosférica

Por muito tempo se acreditou que o ar não tinha peso algum. No entanto, após uma experiência do cientista italiano Torricelli, constatou-se que a atmosfera exerce uma pressão sobre a superfície. Esse peso pode ser medido por um aparelho chamado barômetro.

A tendência é que os lugares mais altos tenham menor pressão atmosférica do que os lugares mais baixos. Dessas variações de pressão surgem os ventos, que se deslocam das zonas de maior pressão para as de menor.

Ventos

Outro importante fenômeno atmosférico, o vento é definido como o ar em movimento. Apesar de muitas pessoas pensarem que os ventos são uma coisa só, eles são divididos em diferentes tipos: locais, periódicos, constantes, brisas e monções.

Precipitações

Além das nuvens, a umidade também é responsável pelas precipitações, ou seja, a formação de chuvas, neves, geadas, orvalhos e granizos. Após a formação das nuvens, as gotículas de água acumulam-se a ponto de ficarem mais pesadas do que o ar, ocorrendo a precipitação.

© Depositphotos.com / zstockphotos Vendaval.

Além dos fenômenos citados acima, há ainda outros elementos que tem se tornado cada vez mais comum no Brasil e no mundo, como Ciclone Tropical – ou Furacão –, Ciclone Extratropical, Tornado, Hidrometeoros – são considerados gotas de nuvem, de chuva, cristais, neve, arco-íris, entre outros –, Frentes frias e quentes, linhas de instabilidade, geada, seca e El Niño.

Para especialistas, essa intensificação de acontecimento desses fenômenos tem como principal e única causa as ações humanas, que destroem, cada vez mais, o ecossistema, causando assim um desequilíbrio ambiental.