O que é cogeração de energia elétrica?

1.198 Visualizações
Biomassa
Biomassa. Foto: essentnl

Você sabe o que é cogeração de energia? Este termo define a produção simultânea de duas formas de energia a partir de um mesmo combustível, normalmente, a produção elétrica e térmica a partir do gás natural ou da biomassa, explica a Cogen, associação que une as indústrias do gênero.

O conceito não é novo. Os primeiros sistemas de cogeração foram instalados no início do século XX, quando a produção de energia não era centralizada, ou seja, cada pessoa podia instalar seu próprio sistema gerador. O avanço da tecnologia e a otimização dos sistemas contribuíram para a distribuição de energia em massa e a baixo custo, culminando na diminuição gradativa e contínua dos pequenos produtores.

A cogeração de energia pode ser utilizada em diversos setores, entre eles na geração de vapor, calor e no aquecimento de fornos de alta temperatura utilizados no setor da indústria; no aquecimento de água na área de comércio e serviços; e na geração de bioeletricidade no setor sucroenergético, como a produção de energia através do bagaço da cana-de-açúcar.

Atualmente, diante das sistêmicas crises, do crescimento econômico e da demanda, a cogeração de energia elétrica é um importante recurso para manter o abastecimento das cidades. Para a Cogen, os sistemas de geração distribuídos são uma tendência que vem se fortalecendo.

Segundo a associação, essa opção permitiria aos clientes finais (indústrias, comércio e serviço) administrarem a produção, geração e consumo da eletricidade e da energia térmica que utilizam, posicionando melhor os custos conforme a visão estratégica dos empreendedores.

Entre as vantagens da cogeração de energia elétrica e térmica, alguns fatores se destacam:

Biogás
Foto: bandirmaninsesi

• O menor custo em relação à produção em grande escala, evitando os custos de transmissão e distribuição;

• A maior confiabilidade de fornecimento de energia e maior eficiência energética;

• A melhor qualidade da energia produzida e diminuição de emissão de poluentes; e

• A criação de novas oportunidades de trabalho e de negócios.