São Paulo terá 37 km de novas ciclovias entre a zona Sul e Oeste

Ciclistas terão mais um espaço de trânsito para as bicicletas, que vai ligar o Largo da Batata à ponte João Dias. O término da obra está prevista para abril de 2015

6 de fevereiro de 2014
publicado por
Ingrid Araújo
Ciclofaixa

Foto: Divulgação

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, anunciou no último mês de janeiro a construção de 37 km de ciclovias em um trecho que vai interligar a zona sul e oeste. A nova alternativa de trânsito para os ciclista terá início no Largo da Batata e chegará até a ponte João Dias, integrando os centros comerciais das avenidas Luis Carlos Berrini, Água Espraiada, Faria Lima e Chucri Zaidan.

O anúncio do prefeito foi feito durante as visitas a Operação Faria Lima – obra de prolongamento da avenida Faria Lima –, que também favorece a mobilidade urbana na região. De acordo com a prefeitura, o trecho da ciclovia entre as avenidas Luis Carlos Berrini e Água Espraiada devem ser entregues em até 15 meses, em abril de 2015.

O trecho atual entre o Largo da Batata e a Avenida Faria Lima, referente à operação de prolongamento, acabou de receber autorização ambiental e será licitado em breve.

Haddad afirma que esta ciclovia será a segunda opção de lazer e mobilidade, assim como as faixas para as bikes, existentes paralelamente à linha da CPTM, em pinheiros, inaugurada em dezembro de 2013.