Conheça as maiores aves de rapina do mundo

Com bicos afiados e garras precisas, as rapinantes se caracterizam como grandes predadores do reino animal

29 de fevereiro de 2016
publicado por
Redação

Stockphoto.com / Stuartb Além de belas, as aves de rapina são ágeis ao capturarem suas presas.

A incrível diversidade das espécies encanta qualquer um que procura saber um pouco mais sobre o assunto e suas curiosidades. Assim como todas as classes, as aves subdividem-se em famílias e gêneros diferentes, no qual se encontram animais com características e qualidades específicas. Dentre elas, as aves de rapina (ou rapinantes) se destacam pelo tamanho e agilidade com que capturam suas presas.

Importante deixar claro que as rapinantes não representam uma única raça ou espécie de aves, mas são caracterizadas por suas garras e bicos afiados para atividades predadoras. A partir dessas habilidades, fica mais fácil identificar quais são as maiores aves de rapina do mundo. Conheça agora as cinco rapinantes que lideram a lista:

Condor-dos-Andes e Condor-da-Califórnia

JackF Condor-dos-andes

O Condor-dos-andes e o Condor-da-califórnia são as duas aves com maior comprimento e envergadura do mundo (cada uma com 1,3 metro e envergadura de até 3 metros). Acostumadas com seus respectivos habitats montanhosos e desérticos, como os que carregam em seus nomes, ambas se caracterizam por fazer uma boa análise antes de atacar suas presas.

On_Location
Condor-da-Califórnia

A rapinante sul-americana (Vultur Gryphus) é conhecida por fazer suas caçadas em regiões mais abertas, onde prioriza bichos mortos, além de desprezar o ataque a filhotes e animais doentes. Já a norte-americana (Gymnogyps Californianus), que apresenta alguns tons amarelados e detalhes em vermelho, é marcada por sua visão incrível e olfato altamente apurado tornando seu ataque ainda mais letal.

Gavião-real ou Harpia (Harpia Harpyja)

Encontrado quase em toda a América Latina (da Argentina até o território mexicano), o Gavião-real é conhecido como uma espécie solitária, acostumada a aparecer sem chamar muita atenção. Com um voo bem alto e incríveis acrobacias aéreas, a Harpia é uma predadora feroz com suas vítimas, envolvendo-as com sua forte garra e precisão. Podem chegar a pesar até nove quilogramas, e captura animais de médio porte como os macacos e outros animais da floresta. Seu comprimento é de 1,15 metro e envergadura que pode chegar até 2,5 metros.

Águia-dourada (Aquila Chrysaetos)

ca2hill Águia-dourada (Aquila Chrysaetos)

Uma das aves de rapina mais conhecidas em todo o mundo, a Águia-dourada é famosa pela grande inteligência estratégica e astúcia com que realiza seus ataques. A águia pode ser encontrada em alguns lugares do mundo, e costuma fazer aparições em duplas (uma ave persegue a vítima até que a mesma demonstre sinais de cansaço e a outra chega para finalizar a caçada). Seu tamanho vai de 80 centímetros até 1 metro, com envergadura de 2,3 metros.

Águia-filipina (Pithecophaga Jefferyi)

Flickr / shankar s. Águia-filipina (Pithecophaga Jefferyi)

Com habitat característico como o próprio nome já diz, a Águia-filipina é a quinta maior rapinante de todo o planeta (com comprimento de 80 centímetros até 1 metro e envergadura de 1,5 metro). A principal característica da espécie é sua incrível habilidade e prazer em pegar macacos como vítimas de seus botes. Por conta da extinção que as ataca, estima-se um número inferior a 100 águias-filipina que ainda sobrevivem na natureza.