Home > Ecoideias > Lanterna usa vela para gerar energia

Lanterna usa vela para gerar energia

Gadget promete acabar com o problema da bateria descarregada durante falta de luz por meio de um sistema inovador

23 de janeiro de 2016
publicado por
Redação

 

Reprodução O produto utiliza basicamente velas e água quente.

A facilidade de enviar e-mails e mensagens ou ver fotos e conferir a agenda, entre tantas outras possibilidades, faz com que a tecnologia seja parte integrante e importante do nosso dia a dia, seja para diversão, seja para trabalho.

Com tantas possibilidades e o uso tão frenético, a bateria dos celulares e dos computadores não dura nem metade do dia, por mais moderna e inovadora que ela seja. Foi aí que surgiu, então, um novo mercado: o de carregador portátil.

Sempre que for necessário, você conecta o dispositivo portátil no celular ou tablet para ganhar mais algumas horas de uso longe da tomada. No entanto, é preciso lembrar que essas fontes devem ser carregadas antes do uso.

Mas, e se a energia acabar? O pesadelo de ficar sem celular é tão grande que a empresa norte-americana FlameStower resolveu buscar uma solução para esse problema e criou o Candle Charger, um modelo de carregador que utiliza basicamente velas e água quente para não deixar seu celular morrer durante um blecaute.

Carregador tem duração média de seis horas

O que parece mágica, na verdade é um equipamento que funciona, basicamente, gerando energia para celulares e outros gadgets através da coleta e da transformação do calor produzido ao ferver água. Para assegurar que a temperatura seja mantida, é necessário também repor água durante a utilização do aparelho.

O aparelho carrega dois componentes básicos e essenciais: um módulo termoelétrico, dispositivo semicondutor que converte a diferença entre temperaturas em eletricidade, e um circuito inteligente que identifica as condições para atender às necessidades de energia do dispositivo que está sendo carregado.

O dispositivo foi projetado para trabalhar com um formato específico de vela que já vem junto com o restante do equipamento. Segundo os idealizadores, o carregador milagroso dura seis horas.

Apesar de inovador, a ideia é que ele seja capaz de gerar energia suficiente para carregar celulares, câmeras digitais e lanternas, mas não é eficaz em equipamentos maiores como, por exemplo, notebooks.

O carregador ainda não está nas prateleiras, mas a empresa estima que o seu valor gire em torno de US$ 99, aproximadamente R$ 311.

Assista o vídeo e veja o funcionamento da lanterna: