Designers recuperam madeiras com bioresina e criam móveis incríveis

Peças que geralmente seriam descartadas são transformadas por designers em verdadeiras obras de arte

8 de janeiro de 2016
publicado por
Redação

A natureza possui um incrível poder de reparação e restauração. Árvores machucadas muitas vezes conseguem se recuperar e resplandecer. E partindo desse conceito de autocura, a empresa de design alemã Manufract, cofundada por Marcel Dunger e Florian Meier, decidiu levá-lo até seus projetos de móveis e também joias.

A ideia é misturar madeiras recicladas com materiais de bioresinas que servem como um “enxerto” para as regiões danificadas da madeira.

O processo transforma o conceito de “cicatrização” e enche de poesia os materiais criados. A transparência e as cores das bioresinas adicionam uma espécie de luz-filtro no mobiliário. Alguns móveis ganham resinas de tons azulados que se parecem com água congelada, cheia de transparência e sensação de textura.

O projeto imprime muita sofisticação a peças de madeira que normalmente seriam descartadas por suas “imperfeições”. Mesas, estantes e aparadores fazem parte da coleção que transforma artigos comumente rejeitados em verdadeiras peças de luxo. Veja nas imagens a seguir algumas peças produzidas com o conceito: